Agenda do dia: Polícia encontra autor de homicídio na região

0
544
Agenda do dia Studio462

Terça-feira , 15 de agosto. Bom dia! Aqui estão as principais notícias para você começar o dia bem-informado. Polícia encontra autor de homicídio na região , veja esta e outras notícias de polícia no resumo do dia.

As farmácias de Plantão hoje em Andradas são Cabrini e Spártaco. Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite. Máxima de 21 e mínima de 13.

 

Região:  Polícia encontra autor de homicídio em Campestre (MG)

Antônio Ferreira da Silva, de 54 anos, foi preso no início da noite desta segunda-feira (14). De acordo com a Polícia Militar, após receber denúncia de que havia um homem com atitudes suspeitas no Bairro Vargem do Rio, zona rural de Campestre (MG), os policiais foram até o local. Quando Antônio percebeu a chegada da polícia, tentou fugir, mas foi pego. Com ele foram encontrados cerca de R$2.378,40. Conversando com os policiais, Antônio confessou o crime.

Brasil: Receita libera programa para Imposto de Propriedade Territorial Rural

A Receita Federal liberou nesta segunda-feira (14) o programa de  declarações do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (DITR) referentes ao exercício 2017. O prazo para entrega é até 29 de setembro. A previsão é que sejam entregues 5,4 milhões de declarações.

A multa por atraso da declaração é 1% ao mês calendário ou fração sobre o imposto devido, não podendo seu valor ser inferior a R$ 50.

Está obrigado a apresentar a Declaração do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (DITR) referente ao exercício 2017 o contribuinte enquadrado nas seguintes condições, exceto o imune ou isento: a pessoa física ou jurídica proprietária, titular do domínio útil ou possuidora a qualquer título, inclusive a usufrutuária; um dos condôminos, quando o imóvel rural pertencer simultaneamente a mais de um contribuinte, em decorrência de contrato ou decisão judicial ou em função de doação recebida em comum; um dos compossuidores, quando mais de uma pessoa for possuidora do imóvel rural.

 

Mundo: Após investigação sobre pedofilia, padres australianos dizem que preferem ir para a prisão do que romper segredo de confissão

Os padres não são obrigados a expor os abusos sexuais a menores revelados no confessionário, declararam nesta terça-feira (15) os chefes da Igreja católica da Austrália, que preferem ir para a prisão a romper o segredo de confissão.

As declarações foram dadas após uma investigação nacional realizada por uma comissão real por mais de quatro anos sobre as respostas institucionais aos abusos.

COMENTE

Por favor digite o seu comentário
Por favor informe o seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.