Histórias do Além: A Venda da Alma

0
52

Esse relato veio de Campinas-SP. Um ex-empresário, que não quer dar o nome. Eu era muito pobre, morava em um sitio, tinha 19 anos, não agüentava mais aquela pobreza, então fiquei sabendo por um senhor que se eu vendesse minha alma para o diabo, poderia pedir o que quisesse, então fui em uma encruzilhada, as 3 da manhã e gritei para o demo três vezes, como tinham me ensinado e …. nada aconteceu. Fui embora desanimado, pensei nada existe, tudo é mentira vou continuar pobre. Dias depois, em um bar com os amigos, notei um senhor diferente que me olhava, longo em seguida não o vi mais, saindo do bar indo para casa, notei que um carro grande me seguia, parou ao meu lado abril a porta de traz e aquele senhor, que eu havia visto no bar, me disse você me chamou? Eu disse: Nem te conheço! Ele  disse você me chamou sim, dia tal as 3 da manhã em tal lugar… entra aqui … eu com medo, muito medo, mas curioso entrei, ele me deu uma mala pequena e disse isso é só o começo, abra somente quando estiver sozinho, pode ir…

Ao chegar em casa abri aquela mala, continha em dinheiro uns 50 mil reais, eu pobre, todo aquele dinheiro nem pensei, sai gastando, comprando tudo o que sempre quis, três dias depois, bateu em minha porta uma moça linda que disse, vim para você assinar o contrato, me deu um papel grosso cheirando mau, e disse para assinar  com sangue, fiz isso. Antes de entregar perguntei se ela sabia o que era? Ela disse não,  só você que fez esse acordo. Os dias passavam chegou em minha casa um motorista que disse que vinha me buscar, eu fui, ele me levo em uma empresa que tinha uma grande sala com uma mesa enorme e varias pessoas sentadas, algumas eu conhecia, eram pessoas conhecidas da TV, da mídia, política, aquele  senhor falou: Senta ai, essa cadeira agora é sua, você vai vir aqui uma vez por mês, pegar seu dinheiro. Mas em 20 anos eu vou cobrar. Deslumbrado com aquilo tudo concordei não estava preocupado, 20 anos demora tinha apenas 19 … Bom o tempo foi passando tinha uma vida de rei, festas, carros, motos e mulheres …ai em um passeio conheci uma moça que me encantou e me casei, tive 2 filhos lindos com ela … e o tempo passou … bateu em minha porta aquele senhor um dia … eu abri ele falou vim cobrar … falei…  tudo bem, pode me levar eu combinei … ai veio a surpresa … não não, eu quero as crianças .. falei não, as crianças não, elas não tem nada a ver com isso … e coloquei ele pra fora … contratei seguranças 24 horas tinha dinheiro … minha mulher ficou doente ninguém descobria, os melhores médicos e nada  … desesperado nessa altura já tinha sido mandado embora da empresa .. ligação o medico: venha traga as crianças para se despedir da mãe, já não tem o que fazer … Sai com o carro a toda para o hospital, em um cruzamento, um caminhão nos atingiu, acordei uma semana depois, meus filhos mortos, minha esposa morta e eu paraplégico, um enfermeiro, amigo meu, esta escrevendo para mim … ainda hoje sou atormentado, mas nada dói mais que a lembrança de minha família morta por minha causa.

Fim do Fundo Amazônia pode afetar fiscalização do Ibama contra o desmatamento

Noruega, principal doadora do mecanismo, anunciou a suspensão de repasse de R$ 133 milhões que estava previsto para 2019. Entre 2016 e 2018, verbas do fundo financiaram 466 vistorias que geraram aplicação de mais de R$ 2,5 bilhões em multas.

O eventual fim do Fundo Amazônia pode impactar diretamente na realização de fiscalizações contra o desmatamento ilegal na Amazônia.

Sem definição sobre crédito suplementar, CNPq suspende apoio para novos bolsistas

Sem resposta do governo federal sobre a garantia de abertura de crédito suplementar para cobrir o déficit do orçamento de 2019, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) anunciou, na tarde desta quinta-feira (15), que suspendeu a assinatura de novos contratos de bolsas de estudo e pesquisa.

 

COMENTE

Por favor digite o seu comentário
Por favor informe o seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.